Atletas Brasileiros S.A

Com Relação a um Eventual Controlador, Diretor ou Indireto ou Grupo de Controle

Em países em que existem Clubes de Futebol listados em bolsa é comum que resultados esportivos acabem influenciando a cotação dos papéis, positiva e negativamente. A conquista de um campeonato pode valorizar as ações do Clube ou da Companhia controlada pelo mesmo, do mesmo modo que uma campanha esportiva deficiente, a perda de uma partida decisiva, a agressão ou comportamento inadequado de algum jogador dentro ou fora do campo, ou até o comportamento da torcida que pode causar danos ao clube podem impactar adversamente nas cotações e influir de maneira significativa na volatilidade das ações.


Vários parceiros e funcionários do grupo de controle também poderão ser membros do nosso Conselho de Administração e Diretoria. Isso pode gerar situações potencialmente conflitantes com os interesses de nossos outros acionistas, ou que não resultem em uma melhoria de nossos resultados operacionais, e pode causar conflitos com os interesses dos demais acionistas em fazer aquisições, em venda de ativos, celebração de parcerias, em busca de decisões de natureza financeiras e outras.


Ademais, os interesses do possível grupo de controle podem estar relacionados ao preço por ação de nossa oferta pública inicial de ações, principalmente porque possivelmente os membros de nossa administração serão relacionados aos nossos acionistas controladores.


Quando da outorga e exercício de opções de permuta ou de aquisição da totalidade das ações ou quotas representativas do capital social das nossas controladas, detidas por nossos administradores, mediante entrega e transferência de ações de nossa emissão, e como resultado da diluição decorrente de sucessivas emissões primárias para capitalizar a Companhia pode ser que no futuro não tenhamos um acionista controlador e a ausência de um grupo de controle que detenha mais de 50% de ações de nossa emissão, por outro lado, poderá dificultar certos processos de  tomada de decisão, pois poderá não ser atingido o quórum mínimo exigido por lei para determinadas deliberações.


Na eventual ausência de um acionista controlador e se formem alianças ou acordos entre os antigos e os novos acionistas, o que poderia ter o mesmo efeito de termos um grupo de controle.


Caso surja um grupo de controle e este passe a deter o poder decisório, poderemos sofrer mudanças repentinas e inesperadas das nossas políticas corporativas e estratégicas, inclusive por meio de mecanismos como a substituição dos nossos administradores.




Companhia Aberta
Código CVM 22934

COTAES


TRABALHE CONOSCO BM&F BOVESPA | CVM | CBLC